Site Overlay

OURO PRETO

OURO PRETO

Enquanto o carro percorre a sinuosa estrada de Ouro Preto, os olhos do viajante estarão fixos no incrível Monte Espinasso. As colinas ondulantes anunciam o belo cenário idílico que circunda a antiga cidade de Villa Rica. Entre a paisagem natural do Pico do Itacolomi e as igrejas barrocas do século XVIII, a luz do sol encontra espaço para iluminar os casarões coloniais que ocupam as ladeiras centenárias. Ouro Preto respira os tempos coloniais do Brasil e nos leva por suas ruas de paralelepípedos até o século 18, quando a cidade se tornou uma das mais importantes do país.

Ouro Preto já foi um lugar onde raças em constante busca de ouro e escravizados trabalhavam intensamente. Hoje, a cidade guarda uma parte importante da história brasileira e recebe milhares de turistas em busca de alguns dos mais belos atrativos turísticos de Minas Gerais. Passe um tempo de qualidade em Ouro Preto e conheça mais sobre a história, arte e gastronomia de Minas Gerais. O espetáculo de Ouro Preto só fica completo quando está tudo junto! Uma viagem a Ouro Preto abre os olhos do Brasil. A cidade vem ensinando como o país foi construído, e cada cantinho da charmosa cidade de Minas Gerais é especial.

O que fazer em Ouro Preto, MG

Ouro Preto consegue permitir que os visitantes passem muitos dias em igrejas, casarões e sobrados coloniais. Ouro Preto tem dezenas de atrações turísticas para visitar, cidades deliciosas para passear e muitas paisagens incríveis para fotografar. Tantas atrações são tarde demais. Em Ouro Preto, os visitantes poderão admirar importantes traços da arquitetura colonial, obras de alguns dos nomes mais expressivos da arte nacional – como Aleijadinho e Mestre Ataíde – museus cheios de surpresas e até degustar o sabor mais tradicional de Minas, o estado de Gilas. Sim! A história de Ouro Preto também está na mesa da cidade, uma das melhores experiências de lá. É impossível saborear uma deliciosa cachaça e deliciosos pratos com temperos mineiros.

Enquanto as fachadas coloniais que cercam as ruas do centro da cidade lembram constantemente a atmosfera histórica, Ouro Preto também se manifesta com uma alegria surpreendente. Ouro Preto é conhecido como um grande centro universitário, que preserva as tradições da república e recebe novos jovens moradores a cada ano. Se a ida a Ouro Preto durante o dia é para circuitos religiosos, artísticos e arquitetônicos, à noite, o melhor a fazer é procurar as festas da República. A alta concentração de universitários mantém a cidade viva, principalmente durante o Carnaval, quando Ouro Preto se torna um dos destinos mais procurados do Brasil. A festa toma conta do casarão e das ladeiras, atualizando a cada ano a história de Ouro Preto.

Património Mundial da UNESCO, a cidade atrai todos os turistas. Não é difícil se apaixonar pela beleza da Igreja de São Francisco de Assis e pela obra de Alegardinho, pelo pôr do sol no alto do museu da UFOP ou pela arquitetura barroca da Rua Direita. Peça um “cafezim” com pão de queijo e aproveite o modo de vida mineiro e faça parte dessa história. Ouro Preto não tem falta de coisas para fazer e você vai adorar cada segundo da cidade.

Ouro Preto – Hotéis e casas de família

Ouro Preto oferece pousadas e hotéis charmosos nos dias de folga, mas os preços costumam ser altos. Especialmente durante feriados prolongados e férias, não é fácil encontrar uma tarifa gay entre os melhores preços de hotéis. Se você reservar um passeio, reserve sua Pousada em Ouro Preto com antecedência para não pagar muito caro. Outra questão potencialmente menos satisfatória é a proteção dos hotéis, que muitas vezes têm preços abaixo do esperado. Preste atenção às avaliações de outros hóspedes para evitar ser enganado.

Para se hospedar em Ouro Preto, a melhor localização é perto da Praça Tiradentes. Este local marca o coração do centro histórico e serve como referência de proximidade com as principais atrações, restaurantes e museus de Ouro Preto. O hotel que mais se destaca em Ouro Preto é a Pousada do Mondego, com seu ambiente romântico, quartos espaçosos, uma certa combinação de luxo e rusticidade, e uma vista deslumbrante para a Igreja de São Francisco de Assis. O Solar do Rosário e a Pousada do Douro também são boas opções se seguirem o mesmo percurso. Por outro lado, o Grand Hotel Ouro Preto pode agradar a quem busca um cenário mais contemporâneo na história de Ouro Preto (o projeto foi idealizado por Oscar Niemeyer). Quem deseja um hotel mais isolado com vistas incríveis pode conferir o maravilhoso Hotel Relicário e o Hotel Recanto da Serra, um dos hotéis mais bem avaliados de Ouro Preto.

Quando ir a Ouro Preto

Ouro Preto recebe visitantes o ano todo e vale a visita independente do clima. Claro que existem fatores que tornam essa viagem ainda melhor, então fique atento! Para evitar multidões de turistas, é melhor visitar Ouro Preto fora das férias escolares e das longas férias, que costumam lotar a cidade. Se você procura clima estável e sem chuva, a melhor época para visitar Ouro Preto é de abril a setembro, quando as noites são frias e os dias nublados, mas o céu azul e as temperaturas amenas logo se seguem. Veja mais detalhes sobre quando viajar para Ouro Preto.

Meses mais quentes – setembro a abril
Meses mais frios – junho a agosto
Meses com as estações mais chuvosas – novembro a março
Meses mais secos – maio a agosto

Como chegar a Ouro Preto

Ouro Preto fica a apenas 100 quilômetros da capital, Belo Horizonte. O aeroporto mais próximo de Ouro Preto é o Aeroporto de Confins (CNF), a 140 km da cidade. Dos aeroportos de Belo Horizonte ou Confins, você precisa pegar a estrada. Vale a pena pegar um carro, ônibus ou até mesmo um Uber até Ouro Preto.

A melhor forma de chegar a Ouro Preto saindo de Belo Horizonte é pela BR-356. Vamos seguir em frente, a estrada é linda! Para quem vai de ônibus, há uma grande variedade de horários de BH, bem como do Rio de Janeiro e São Paulo. Se o pedido for para Uber, basta ligar para o carro e avisar que o destino é Ouro Preto.

Quanto tempo ficar em Ouro Preto

Ouro Preto é um destino típico que pode ser visitado em um a dez dias. A apenas 100 quilômetros da capital, Belo Horizonte, Ouro Preto é uma ótima opção para passeios de um dia e imersão na história e arte brasileira. Em quatro ou cinco dias você conhecerá a cidade a fundo, mas com um pouco mais de tempo poderá visitar também destinos próximos como Mariana, Congonhas, Galaza (Santuário do Caraça), Lavras Novas, Santa Bárbara e a encantadora Cata Altas. Aproveite e fique mais tempo em Ouro Preto!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.